quarta-feira, julho 04, 2007

palco e luzes

Escolhendo roupas, fazendo malas, pagando as últimas contas, cuidando da gripe, fazendo fisioterapia pra amenizar os efeitos de 40 anos de movimentos repetitivos, tentando apagar um incendio aqui, outro ali, dando uma força para os mais próximos que precisam, ligando pros amigos, consertando as máquinas que deram algum problema, correndo pra deixar tudo em ordem e a tempo, procurando no meio disso tudo um espaço pra cuidar da cabeça e não pirar.

É o período do stress-pré-tour. Mesmo sendo uma tour curtinha a deste ano no Japão, trata-se de uma viagem de grande porte, que todos os anos nos mobiliza bastante. Mas que é também o grande momento _ adoro, adoramos, é como chegar em casa, não exatamente nós, mas a música que fazemos, chegando onde, de todos os muitos lugares onde ela vai anualmente, naquele no qual sua presença é mais percebida e bem-vinda.

Vai ser uma viagem feliz, com direito a uma parada na Alemanha pra visitar a parte da família que vive lá. Depois, é muita música e muita alegria. Descansar carregando pedra, com dois shows por noite, fazendo aquilo que mais amamos: o som da nossa vida. Lá vamos nós outra vez.

11 Comments:

At 12:59 PM, Blogger Luiz Antonio said...

OI,
Espero que tenha sentido falta dos meus "posts"! Não vou pro Japão, mas tô numa correria maluca aqui também agregado ao mercúrio retrógrado nesse mês, que atrapalha um pouco as coisas e faz, se tu não sabes, pifar alguns equipamentos!!!
Bom, boa viagem!
Sempre que der, de uma acessada no meu blog, assim como me sinto honrado em ter meu post publicado no seu, seria maravilhoso encontar algo escrito por ti para eu ter que moderar um dia.
Beijos
Luiz Antonio

 
At 9:09 AM, Anonymous cecília said...

Esse som também é o da minha! Será, sim, uma viagem feliz... E tomara que nao haja palmas para o artista confundir, nem pernas para o artista tropeçar, pois ele tem que saltar, fugir... deixar a pele em cada palco, mas não olhar para trás, porque outras bocas esperam para se entregar, e outras vidas aguardam esse bem querer...

 
At 10:33 PM, Anonymous Amora said...

Voa canarinha... leve seu canto aos quatro cantos do mundo pois o mundo precisa de muita beleza! Voa mas volte pros braços desse país que lhe ama.

 
At 11:18 AM, Anonymous Luiz Antonio said...

esqueci de dar o endereço do meu blog: www.meupianoeomeuteclado.blogspot.com
Moderar uma musa é privilégio de Deuses, mas 20 anos de paixão a distância, aqui no sul da ilha Brasil, me permitem a ousadia.
Beijos

 
At 3:47 PM, Anonymous Anônimo said...

In bocca al lupo per il tour!
besos

manu

 
At 1:06 AM, Blogger eutANAsia said...

Olá, Joyce!!! Meu nome é Ana Regina, acabei de voltar do show que você fez com suas filhas no SESC Consolação! Eu estava lá atrás depois do show com meus amigos e companheiros de banda, pedi para te dar um beijo rapidinho, não sei se você lembra de mim!!! Quando saímos e você entrou na van falei para o motorista "Manda um beijo pra Joyce!!!" lembrou?? rs...

Bom, como sei que você estava na correria para viajar (nesse momento já deve estar no aeroporto... rs) gostaria de dizer por aqui o que não consegui dizer lá.

Lá vai...

O show foi uma coisa inexplicável. Você e o Tutty realmente foram feitos um para o outro!!! O que foi aquilo que vi?? Aqueles improvisos, aquela dinâmica toda, toda aquela sintonia?? vocês fizeram meu coração acelerar em vários momentos!!! E meu namorado que o diga - eu sou vocalista e ele é baterista também!!! - ele ficou emocionadíssimo com o que viu, conseguimos falar com o Tutty depois, ele até autografou alguns discos que levamos.

Foi uma emoção muito grande vê-los ali!!! E ver o trabalho e o talento de suas filhas, vozes lindas, empostações lindas!!!!! Parabéns pela família que você tem!!!

As composições do Nelson também são maravilhosas. Admiro muito o trabalho dele e adorei vê-lo tocanso algumas das músicas que mais adoro.

Como disse, sou cantora também e venho observando bastante tua técnica, teu modo de cantar. Você não é só uma intérprete. Você é "um músico", uma musicista de primeiríssima linha, cada vez que te vejo (meu namorado tem o DVD da Banda Maluca) eu penso muito nos rumos da música brasileira, no teu trato com a música, no meu trato com a música - um dia chego aí onde você está!!!

Vocês merecem o mundo inteiro!!! Parabéns mais uma vez!!!

Uma ótima viagem, muito e muito sucesso!!!

Beijos beijos emocionados...

Ana Regina Galganni

ps.: também tenho um blog!!! o nome "eutanásia" é um pouco forte, mas meus pensamentos estão lá.. rs

 
At 2:08 AM, Blogger eutANAsia said...

Não sei se esqueci, mas meu blos é o www.eutanasia.blogspot.com !... o nome é meio pesadinho, mas meus pensamentos são mais leves... rs...

está convidada a conhecer!!!
Um grande beijo!!!
Ana Regina

 
At 4:10 PM, Anonymous Déa Berttran said...

No ouvido, ‘Fora de hora’, canção melódica daquelas que tange a alma, e não só as cordas do violão... Na memória, pra lá de afetiva, o show de ontem, mãe, companheiros, pais e filhas, coisa bonita, a família unida no som e no suingue, permuta de criatividade e de parcerias.
Mais de quinze anos, certamente. Nem sei ao certo, mais, qual foi o último trabalho, o último encontro, talvez no Sesc Pompéia, época da Polygram? Trabalho bom de se fazer, aquele, e ainda com a cobertura da Reca e sua simpatia.
Pois é, Joyce, este bilhete é só para te dizer do extremo prazer que foi te ver assim tão brilhante, no palco. Nessas horas é que se vê o quanto a maturidade expande aquele que não precisa provar mais nada a ninguém, tal a qualidade dos feitos e atos. Você deixou para trás o ‘bom’ violão, agora ele faz parte com tal desenvoltura, quase liquidez, no sentido do fluido, mesmo. Se a voz já era solta, fazendo-se macia ou aberta, sôfrega a dominar os sons, agora se revela por inteiro, despreocupada, prazerosa, sem pudor naquela sem-vergonhice gostosa de ser apreciada!
Show sem concessões ao passado – bravos! E tem quem apele para Monsieur Binot! Espaço para todos – e que lindo que ficou Canoa, canoa, e que voz desbravadora a de Clara, não? Lembro-a menina, ainda, sei lá, acho que com uns 12... A associação é rápida: e Túlio, Michel, Lucinha, e muito Amarelinho e reuniões funartianas! Rutilio encontrei no Orkut, de volta a Recife.
É isso, dear. Um dia, se ler meu livro, por favor, fale algo a respeito, ta bom? Adoraria saber de sua opinião.
Abraço,
Déa Berttran

 
At 10:12 PM, Blogger Clariana Cardoso said...

Oi Joyce, a tempos minha mãe me disse que meu nome foi dado, por causa de uma musica que ela gostava muito.
Estes dias, agora, pesquisei um pouco sobre a tal musica, e achei, a musica é "Clareana".
Adoro meu nome e tb amei a letra da musica.
Estou postando para que saiba que você influenciou vidas com sua bela musica e alegria.
Eu estou com 23 anos, hoje, e adorei conhecer suas musicas e em especial "Clareana".
Bjos!

Clariana Cardoso
http://ideias-claras.blogspot.com/

 
At 3:43 AM, Blogger Pituco said...

todo artista tem de ir aonde o povo está...eu tô aqui,faz décadas,do outro lado do planeta e nunca assisti um 'ao vivo' teu (mentira, te ouvi no antigo Blue Note,Tokyo,junto com os Jobins - cantaste 'Ela é carioca',apenas com o contrabaixo do Sizão,foi isso?)...sou teu fãzão,mas tempo aqui é coisa complicada...e o BN fica duas quadras de casa,que ironia,né?...de todo jeito,muita harmonia e amplexosonoros...namaste

 
At 9:56 AM, Anonymous Antonio Francisco Moreira Neto said...

Olá, foi bem legal o seu show aqui em Brasília.
Mas o mês foi repleto de atrações: teve Leila Pinheiro, Ivete Sangallo...
Pesquisando na YOUTUBE, só tem 1 ou 2 clipes seus. Se pesquisar por outros artistas, encontra bem mais.
Que tal postar uns vídeos no YOUTUBE para saciar a fomes dos fãs?
Volte para Brasília para fazer novos shows ;-)

 

Postar um comentário

<< Home